Listra oferece a compra pelo site e a entrega na loja física em uma hora – Guia da Farmácia – Imã de geladeira e Gráfica Mavicle-Promo

Empresa integrou o inventário de todos os seus estabelecimentos

A droga Raia está oferecendo aos seus clientes a possibilidade de comprar produtos através do site, aplicativo ou televendas e retirar no local mais próximo de você, em um máximo de uma hora. O serviço está disponível em todas as 780 unidades da rede em nove estados do brasil: São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, brasil, Rio Grande do Sul, Paraná, Santa Catarina, no Distrito Federal e o estado de Mato Grosso do Sul.

“É o maior de comprar e retirar do Brasil. Em vez de enviar a solicitação ao centro de distribuição, verificamos on-line, em tempo real, a uma velocidade fora do comum no comércio, qual é a loja mais próxima com o produto em estoque”, afirma o diretor de Vendas Multicanal da companhia, Diego Kilian. Continue lendo “Listra oferece a compra pelo site e a entrega na loja física em uma hora – Guia da Farmácia – Imã de geladeira e Gráfica Mavicle-Promo”

São Paulo amplia rol de serviços nas farmácias

Enfim, a valorização do papel dos farmacêuticos avança no estado de São Paulo. Cinco meses após ser aprovado pela Assembleia Legislativa, o projeto de lei nº 638/2014 foi sancionado pelo governador Márcio França. A medida regulamenta uma série de novos serviços que podem ser prestados pelas farmácias e drogarias – entre os quais a aferição de pressão arterial, medição de temperatura, inalação e teste de glicemia.

Além disso, ficam autorizadas a manipulação e a dispensação de medicamentos isentos de prescrição, suplementos alimentares, produtos homeopáticos, dermocosméticos, artigos de higiene pessoal, perfumes e itens de cuidado pessoal, sempre mediante a indicação do farmacêutico. O projeto data de 2014 e teve como autores os parlamentares Fernando Capez e Bruno Covas, hoje prefeito da capital paulista.

A iniciativa segue exemplos de outros estados, que ampliaram o rol de atividades do varejo farmacêutico. São os casos de Amazonas, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, além do Distrito Federal e das cidades de São Paulo e Rio de Janeiro. “Esta é mais uma iniciativa que reconhece a importância e os conhecimentos do farmacêutico, fazendo dele um agente estratégico para facilitar o acesso dos brasileiros à saúde”, celebra Cassyano Correr, coordenador do programa de assistência farmacêutica encabeçado pela Abrafarma.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Cityfarma apresenta planejamento de Marketing para 2018

A Cityfarma apresentará, amanhã, 8 de março, seu planejamento de marketing para o mercado. O evento mostrará um novo momento da rede que busca um crescimento ainda maior do que já vem obtendo.

Como parte dessa estratégia, o evento reunirá mais de 80 parceiros da indústria e distribuidores do setor farmacêutico, associados e convidados em um Kick-off, que detalhará suas novas ações e eventos criados para o reforçar a sua marca junto aos seus consumidores.

Para 2018, a Cityfarma quer dar mais um importante passo em seu desenvolvimento, apostando em uma agressiva ação estratégica em todos os seus departamentos. “O objetivo final do setor de marketing de qualquer empresa é que todo o conceito criado em campanhas seja realmente revertido em aumento das vendas em nossas lojas e isso é ponto primordial em nossa estratégia”, explica o gerente comercial Hudson Barreto.

A rede tem o objetivo de crescimento em vendas de 30% em 2018, superando a estimativa nacional de crescimento no segmento. Com isso conta com o apoio de diversas ferramentas de gestão de lojas, muitas dessas fornecidas pela Febrafar (Federação Brasileira das Redes Associativistas e Independentes de Farmácias), da qual e afiliada

Com 22 anos de mercado, a Cityfarma conta atualmente com 100 lojas, estando presente em todas as regiões do Estado do Rio de Janeiro, em 27 municípios. Contudo, em relação ao número de lojas o objetivo é ainda mais ambicioso, esperando chegar em 2019 com um crescimento de 100%, atingindo 200 lojas. Se tornando uma das maiores redes licenciadoras de marca do estado e contribuindo de maneira profissional para a prosperidade dos lojistas e o fortalecimento das parcerias.

“Acreditamos nessa meta, sendo que associar a Cityfarma proporciona uma melhora significativa na gestão do negócio, na qualidade de trabalho e no atendimento aos clientes. A rede presta todos os seus serviços com credibilidade. Por isso, após a consolidação no estado do Rio, queremos levar esse modelo de negócio para lojistas em outros estados do país”, finaliza o presidente da Cityfarma, José Correia da Motta.

Fonte: Febrafar

Por:

Receita de controlado terá validade nacional – Íma de Geladeira

Receita de controlado terá validade nacional

Ana Amélia defende a proposta durante reunião da CAS

As receitas de medicamentos controlados e manipulados poderão ter validade nacional. A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) aprovou nesta quarta-feira (6) o substitutivo da Câmara dos Deputados (SCD) 4/2018 ao Projeto de Lei do Senado 325/2012, que define que a receita tem validade em todo o território nacional, independentemente da unidade federada em que tenha sido emitida. Atualmente, as prescrições médicas só valem no estado de origem .

Na Câmara, o texto foi alterado para dar nova redação ao parágrafo único do artigo 35 da Lei 5.991, de1973, que trata do controle sanitário do comércio de medicamentos, em vez de incluir um novo parágrafo como previa o projeto original do Senado. Além disso, os deputados estenderam a permissão aos medicamentos sujeitos ao controle sanitário especial. No entendimento da Câmara, explicitar os medicamentos sob controle especial é necessário uma vez que, na prática, são os únicos medicamentos cujas receitas não podem ser aviadas fora do estado em que tenham sido emitidas.

A relatora da proposta na CAS, senadora Ana Amélia (PP-RS), argumentou que as farmácias já contam com um rigoroso controle e exigem a receita médica e os documentos do paciente que vai usar o remédio. Ana Amélia lembrou que a iniciativa vai beneficiar os pacientes que estão em tratamento e precisam viajar ou se consultar em outro estado.

— O objetivo essencial do projeto é permitir que todos os cidadãos possam comprar os medicamentos onde quer que estejam. Inclusive os medicamentos sujeitos a controle especial. Uma coisa extremamente razoável para um país de dimensões continentais. Até porque, em casos de medicamentos de uso contínuo, a pessoa tem muitas dificuldades, se vai viajar e fica mais tempo do que o esperado, para comprar o medicamento, é uma burocracia muito grande.

A proposta segue agora para análise do Plenário do Senado.

Fonte: Agência Senado

Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Por:

Drogaria Venancio faz ação no Dia Mundial Sem Tabaco

Drogaria Venancio faz ação no Dia Mundial Sem Tabaco

Pelo segundo ano consecutivo, a Drogaria Venancio promove o Programa Venancio Sem Tabaco. A farmácia firmou uma parceria com o medicamento Niquitin, que é conhecido por fornecer tratamento de reposição de nicotina, que ajuda a controlar o desejo de fumar. O Dia Mundial Sem Tabaco é comemorado no dia 31 de maio e a rede está fazendo um trabalho de conscientização com os colaboradores fumantes da rede.

“A ideia da ação é incentivar os fumantes a largarem o cigarro. Afinal, a maioria das pessoas precisa de um pontapé inicial na tentativa de parar de fumar. Os colaboradores que demonstrarem interesse e se inscreverem no Programa terão seus dados analisados pela empresa e receberão o medicamento Niquitin, gratuitamente, na primeira semana de tratamento”, afirma Renane Bernardes, supervisora farmacêutica da rede.

Os adesivos de nicotinas podem ser comprados nas farmácias e não necessitam de receita. Mas vale lembrar que é interessante que o tratamento seja orientado por um médico, pois é importante que o profissional da área avalie cada caso e escolha as melhores estratégias, levando em consideração o histórico de cada paciente e o grau de dependência.

Todos os colaboradores podem se inscrever até o dia 07 de junho pelo sistema interno. Além disso, quaisquer dúvidas sobre o tema podem ser sanadas com os farmacêuticos da rede, que estão totalmente envolvidos na ação e à disposição. Em 2017, mais de 60 pessoas se inscreveram e houve muitos relatos de progressos na tentativa de largar o cigarro e até mesmo pessoas que conseguiram parar de fumar.

Fonte: Venancio

Venda de medicamentos na Abradilan cresce 21,6% em abril

Os novos preços dos medicamentos, que chegaram ao índice máximo de 2,84% autorizado pelo governo, entraram em vigor no dia 1º de abril. E exatamente no mês em que os reajustes começaram a valer, os associados da Associação Brasileira de Distribuição e Logística de Produtos Farmacêuticos (Abradilan), entidade que reúne 142 empresas distribuidoras de medicamentos e produtos de higiene pessoal e cosméticos, totalizaram R$ 460,2 milhões em vendas de medicamentos e não-medicamentos (especialmente HPC), que representam um crescimento de 21,6% comparado ao mesmo período do ano passado, quando atingiram R$ 378,5 milhões. Os dados fazem parte de uma pesquisa da IQVIA, empresa que é fruto da fusão entre IMS Health e Quintiles, a pedido da Abradilan.

Em unidades, o volume comercializado no quarto mês de 2018 chegou a 84,3 milhões, diante de 72,5 milhões de 2017, um incremento de 16,3%. De acordo com o presidente da Abradilan, Juliano Vinhal, o aumento de preços dos medicamentos, além de uma leve recuperação da economia e um mês de abril com menos feriados em 2018 e, consequentemente, mais dias úteis do que no ano passado, permitiram que o volume de negócios crescesse fortemente.

No quadrimestre, as vendas somam R$ 1.805 bilhão em medicamentos e não medicamentos, incremento de 9,6% sobre os quatro primeiros meses de 2017, quando elas contabilizaram R$ 1.646 bilhão. Em unidades, o aumento foi de 4,5%, passando de 322,3 milhões de 2017 para 336,7 milhões em 2018.

No acumulado dos últimos 12 meses, ou seja, de abril de 2017 a abril de 2018, as vendas da Abradilan chegaram a R$ 5.457 bilhões, um aumento de 10,9% na comparação com o mesmo período de 2017, que teve a marca de R$ 4.919 bilhões. Já em unidades, os índices são de 1.032 bilhão em 2018, contra 957,5 milhões em 2017, crescimento de 7,7% de acordo com a IQVIA.

Genéricos e similares em destaque

Na distribuição de segmentos dos produtos na Abradilan em abril, o destaque fica por conta dos medicamentos genéricos e similares, que chegam a representar 42,3% das vendas. Em unidades, o percentual é um pouco maior, de 43,9%. Segundo Vinhal, com a crise econômica e com o orçamento mais enxuto, muitas famílias optaram por medicamentos com valores mais acessíveis e por isso, os genéricos tiveram destaque nas vendas impulsionando o setor.

De acordo com o presidente da Abradilan, esses resultados mostram o crescimento do setor e a importância dos distribuidores, presentes em 95% dos municípios brasileiros. Os associados da entidade são responsáveis pela distribuição em 84% das cerca de 74 mil farmácias no Brasil em abril de 2018.

Fonte: Abradilan